DICAS CULTURAIS – DIVIRTA-SE

IMG_4426

 

DICAS CULTURAIS – DIVIRTA-SE

 

Dicas de Teatro

 

O musical Miranda por Miranda faz a a sua segunda temporada em São Paulo, no Teatro Espaço Promon. Em cena, a atriz Stella Miranda interpreta Carmen Miranda, um dos maiores ícones da nossa música.

Miranda por Miranda

O musical foi idealizado por Miguel Falabella, grande amigo de Stella, e conta a trajetória de Carmen Miranda.

Como a atriz também tem Miranda no nome e sempre admirou a pequena notável, ela fala da influência da artista no seu trabalho e interpreta 28 canções – e um medley de oito canções carnavalescas  – que marcaram a carreira de Carmem Miranda no rádio e cinema.

Um espetáculo delicioso para quem conhece a trajetória de Carmen. Para quem não conhece, certamente os mais jovens, uma ótima oportunidade para entrar em contato com a trajetória dessa artista inesquecível.

Stella Miranda é excelente cantora e atriz, Está acompanhada de Renato Bellini, Will Anderson, Guilherme Moscardini e Cayo Caesar, que contribuem para a qualidade do espetáculo, assim como os músicos Gustavo Sato, Paulo Vicente e Laura Visconti.

Destaques do Roteiro Musical

Aquarela do Brasil (Ary Barroso)

Na batucada da vida (Ary Barroso)

 South American Way (Al Dubin – J.Mchugh – V.A.de Oliveira)

 Disseram que eu voltei americanizada (L. Peixoto – V. Paiva)

Na baixa do sapateiro – instrumental (Ary Barroso)

Camisa listrada (Assis Valente)

Cantoras do rádio (João de Barro – A. Ribeiro – L. Babo)

Medley de carnaval: Balancê (João de Barro), Eu dei (Ary Barroso), Como “Vaes” Você (Ary Barroso), Touradas em Madri (João de Barro), Chiquita Bacana (João de Barro)

Ficha Técnica e Serviço:

De Stella Miranda

Direção Musical e Arranjos            Tim Rescala

Ass. Direção Musical  -Laura Visconti

Elenco

RENATO BELLINI

WILL ANDERSON

CAYO CAESAR

GUILHERME MOSCARDINI

Músicos

LAURA VISCONTI               piano

GUSTAVO SATO                baixo

PAULO VICENTE                bateria

Temporada: 27/02/2015 – 19/04-2015. Teatro Espaço Promon – Sala São Luiz. Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 1830 – Itaim Bibi, São Paulo | Tel: (11) 5213-4111). Horários: Sextas-feiras às 21h30’, Sábados às 21h00 e Domingos às 18h00. Ingressos à venda pelo Site Ingresso Rápido, pelo Telefone 4003 1212 e na Bilheteria do Teatro (quartas e quintas: 14h00-21h00, sextas: 14h-21h30’, sábados 14h00-21h00, domingos 14h00-19h00, feriados: a partir das 15h00). Os ingressos tem valor único de R$ 80,00 com meia-entrada por R$ 40,00.

 

O Barracão Cultural apresenta duas peças gratuitas, dentro do projeto Circulação Barracão Cultural – Todo Lugar é Palco: A Condessa e o Bandoleiro e O Tribunal de Salomão e o julgamento das meias-verdades inteiras.

As apresentações são gratuitas e livres para todos os públicos. Uma oportunidade para ver bons espetáculos sem gastar nada.

O Tribunal de Salomão e o Julgamento das Meias-Verdades Inteiras é resultado de pesquisas sobre elementos do teatro de rua e popular e sobre ritmos musicais brasileiros, junto à percussionista Dani Zulu (Grupo Barbatuques). Um trabalho aclamado, que ganhou o Prêmio Coca-Cola Femsa 2012 de Melhor Produção.

Sinopse – Dois artistas preparam a apresentação de um espetáculo no qual investiram todo o dinheiro que possuíam e mostra um tribunal presidido pelo próprio sábio Salomão, auxiliado pela deusa da Justiça.

A apresentação, no entanto, é interrompida por três indivíduos que estão disputando um objeto. Eles acreditam que a encenação é verdadeira e esperam que Salomão resolva o problema da posse do objeto. Duração – 55 minutos

A Condessa e o Bandoleiro_n

O espetáculo A Condessa e o Bandoleiro, por sua vez, traz músicas e danças populares brasileiras, além de elementos da linguagem tradicional de rua, como palhaços, bufões e máscaras.

Em cena, uma condessa está entediada com a vida de riqueza e decide atravessar a floresta em direção a um baile, acompanhada de um barão e sua ama.

Duração – 60 minutos

Ficha Técnica e serviço:

Elenco: Eloisa Elena, Thiago Andreuccetti, Fabio Ferretti, Alexandre Maldonado e Victor Merseguel.

Direção Musical e Canções: Dr. Morris

Cenário e Figurino: Marco Lima

Designer Gráfico: Teresa Maita – (logo do espetáculo A Condessa e o Bandoleiro Claúdio Queiróz)

Fotos: João Caldas

Assessoria de Imprensa: Pombo Correio

Produção Executiva: Geondes Antonio

Administração: Tetê Ribeiro

Direção de Produção: Eloisa Elena

Idealização e Realização: Barracão Cultural.

O Tribunal de Salomão

Dramaturgia: Paulo Rogério Lopes

Direção: Cuca Bolaffi

Iluminação: Marisa Bentivegna

A Condessa e o Bandoleiro

Dramaturgia: AngeloBrandini

Direção: Fernando Escrich

Iluminação: Victor Merseguel, Eloisa Elena e Fábio Ferretti

Preparação corporal e coreografias: Andrea Soares

APRESENTAÇÕES:

Dia 17 de março as 14:00 – A Condessa e o Bandoleiro

Dia 21 de março as 13:00 – O Tribunal de Salomão e o julgamento das meias-verdades inteiras

Local: CEU Inácio Monteiro

  1. Barão Barroso do Amazonas, S/N – Cohab Inácio Monteiro

Dia 04 de abril as 15:30 – O Tribunal de Salomão e o julgamento das meias-verdades inteiras

Dia 05 de abril as 15:30 – A Condessa e o Bandoleiro

Local: Parque do Rodeio

Rua Igarapé da Bela Aurora, s/n – Cidade Tiradentes

Dia 21 de abril as 11:00 – O Tribunal de Salomão e o julgamento das meias-verdades inteiras –

Dia 21 de abril as 16:00 – A Condessa e o Bandoleiro

Local: Parque Severo Gomes – Rua Pires de Oliveira, 356 – Granja Julieta

sim eu aceito

Sim! Eu Aceito! – Uma Comédia Musical que traz os experientes atores Diogo Vilela e Sylvia Massari, que estreiam o musical em São Paulo, depois de temporada no Rio. O espetáculo é um clássico da Broadway, com versão de Flávio Marinho e direção de Cláudio Figueira. É o único espetáculo da Broadway feito somente para dois atores. E o preço, perto dos valores de outros musicais, é acessível!

O musical narra, com humor, a história de Michael e Agnes, que estão juntos há cinco décadas. Com amor e enfrentando as dificuldades comuns a qualquer casamento, o casal conseguiu manter a sua união.

O público acompanha a noite de núpcias, o nascimento do primeiro filho, o sucesso na vida profissional, a traição, o casamento dos filhos e o envelhecimento.

Ficha Técnica e serviço:

Texto e Letras: Tom Jones

Musicas: Harvey Schmidt

Direção e Coreografia: Cláudio Figueira

Direção Musical e Preparação Vocal: Liliane Secco

Versão: Flávio Marinho

Pianistas: Priscilla Azevedo e Marcelo Farias

Cenografia e Figurino: Clívia Cohen

Iluminação: Marco Cardi

Fotografia: Miguel Sá

Direção de Produção: Claudio Figueira

Produção: Carmen Figueira – Só de Sapato Produções. Renata Borges – Fábula Entretenimento

Teatro Gazeta (650 lugares). Avenida Paulista, 900 – Térreo. Informações: 3253.4102. Bilheteria: de terça a quinta, das 14h às 20h. Sexta a domingo das 14h até o horário do espetáculo. Aceita cartões de débito e dinheiro. Cartão de crédito somente pelo site ou telefone. Estacionamento: convênio com MultiPark (Rua São Carlos do Pinhal, 303 – subsolo do teatro). R$ 20 por 3h. Vendas: http://www.teatrogazeta.com.br e 4003.1527. Sextas e Sábados às 21h00 | Domingos às 18h00. Ingressos: Sextas e Domingos R$ 70 | Sábados R$ 80. Recomendado: 10 anos. Duração: 110 minutos. Temporada: De 13 de março até 31 de Maio.

Edgar_Castro_em_Maria_que_Virou_Jonas-2

Maria que Virou Jonas ou A Força da Imaginação, da Cia. Livre, é um espetáculo para quem curte teatro de grupo e que gera reflexão.

A Cia. Livre, respeitada no cenário paulista,está em cartaz no Sesc Belenzinho entre 19 de fevereiro e 15 de março. Na décima peça da carreira de 15 anos do grupo, fala de gêneros e transexualidade, um tema extremamente atual.

A trama parte de história clássica sobre mudança de sexo citada por Montaigne no ensaio XXI  Da Força da Imaginação (1533-1592), que mostra a trajetória de Marie, que vira Germain, e mostra que o tema Hermafroditismo já estava em voga no século XVI!

No palco, há um jogo de metateatro, isto é, uma peça dentro da peça. As personagens são dois atores transexuais – Neo Maria (Lúcia Romano) e Jonas Couto (Edgar Castro), que estão montando a peça A Força da Imaginação.

Ficha Técnica E Serviço:

Dramaturgia: Cássio Pires

Direção: Cibele Forjaz

Atores-criadores: Edgar Castro e Lúcia Romano

Direção de Movimento: Lu Favoreto

Cenografia: Márcio Medina

Figurinos: Fabio Namatame

Luz: Cibele Forjaz e Rafael Souza Lopes

Direção Musical: Lincoln Antonio

Sonoplastia: Pepê Mata Machado

Treinamento Vocal para Canto: Ná Ozzetti

Produção: Cia. Livre e Centro de Empreendimentos Artísticos Barca. 19/02 a 15/03. Quintas, sextas e sábados, às 19h30. Domingos, às 17h. Sala de Espetáculos I. (80 lugares – acesso para pessoas com deficiência). Recomendado: 16 anos. Duração: 1h45.

R$ 25,00 (inteira); R$ 12,50 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante); R$ 7,50 (trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes [Credencial Plena]).

Sesc Belenzinho. Endereço: Rua Padre Adelino, 1000. Belenzinho – São Paulo (SP).Telefone: (11) 2076-9700. www.sescsp.org.br/belenzinho. Estacionamento. Para espetáculos com venda de ingressos: R$ 6,00 (não matriculado); R$ 3,00 (matriculado no Sesc – trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo/ usuário).

Teatro em Curitiba e Florianópolis:

Foto: Leo Aversa - Crédito obrigatório.

Incêndios, que traz Marieta Severo como protagonista, está viajando pelo Brasil. É uma montagem arrebatadora, com direção de Aderbal Freire-Filho. No elenco, além de Marieta, estão Felipe de Carolis, Keli Freitas, Kelzy Ecard, Marcio Vito, Isaac Bernat, Flávio Tolezani
e Fabianna de Mello e Souza.

A peça mostra a saga da árabe Nawal, vítima de uma guerra civil. Ela passa seus últimos anos em voluntário exílio no Ocidente. Quando ela morre, depois de anos sem falar nenhuma palavra, deixa em testamento uma difícil missão para o seu casal de filhos gêmeos (Felipe de Carolis e Keli Freitas): encontrar o pai e também um irmão no Oriente.

Crítica que escrevi sobre a montagem: http://www.folhadacultura.athus.tv/2014/12/incendios-faz-curta-temporada-no.html

Ficha Técnica e Serviço:

De Wajdi Mouawad

Tradução: Angela Leite Lopes

Direção: Aderbal Freire-Filho

Com Marieta Severo, Felipe de Carolis, Keli Freitas, KelzyEcard, Marcio Vito, Isaac Bernat, Flávio Tolezani
e Fabianna de Mello e Souza.

Cenografia: Fernando Mello da Costa

Iluminação: Luiz Paulo Nenen

Figurinos: Antonio Medeiros

Trilha Sonora: Tato Taborda

Incêndios passa por Curitiba nos dias 13 e 14 de março, no Teatro Guaíra.. Rua XV de Novembro 971 – Centro – 80060-000 – Curitiba – PR. 41 3304-7900 / 3304-7999. Dias 13 e 14 de março, sexta e sábado, às 21hoo. Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto. Ingressos: Plateia e 1º Balcão: R$90,00 2º Balcão: R$50,00. Desconto de 50% na compra de até dois ingressos, no valor de inteira, para clientes Porto Seguro. Desconto de 30% na compra de até dois ingressos, no valor de inteira, para Clube do Assinante Gazeta do Povo na compra de até dois ingressos, com preço de inteira, somente para o titular. Os descontos não são cumulativos.

Em Florianópolis: dias 20 e 21, às 21h00 e 22 de março, às 20h00. Teatro Ademir Rosa. http://www.fcc.sc.gov.br/ Ingressos: R$ 70,00 inteira; R$ 35,00 meia entrada; R$ 56,00 (Clube RBS); R$ 35,00 (Porto Seguro);R$ 50,00 promocional MINC (Filas Y, Z, ZA e ZB) – Av. Governador Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica – Florianópolis (SC). Informações: (48) 3664-2628 (bilheteria do Teatro). Bilheteria: somente a dinheiro. De segunda a sexta-feira, das 13h às 19h. Sábados, domingos e feriados e pontos facultativos, das 14h às 18h. Quando houver espetáculo, a bilheteria permanece aberta até o início do evento, enquanto houver ingressos disponíveis. Recomendado: 14 anos.

Para ir além do teatro:

espaço de cultura bela vista

O recém-inaugurado espaço de Cultura Bela Vista, localizado no bairro de mesmo nome e apelidado carinhosamente de Bixiga, sedia exposição, música, performance e produção independente.

O local divulga o trabalho de novos e consagrados artistas da cena paulistana e, principalmente, da comunidade do Bixiga.

O objetivo é ser uma via criativa entre artistas, produtores culturais e moradores do bairro, amplificando ideias e ações por toda a cidade, país e mundo.

O Espaço está localizado na Conselheiro Carrão, 374, um sobrado construído em 1914. http://ecbv.art.br/ e https://www.facebook.com/pages/Espa%C3%A7o-de-Cultura-Bela-Vista/799536993398938

Abraço.

Por Nanda Rovere

Historiadora, jornalista e crítica teatral

nandarovere@gmail.com10928848_440169949472329_4709229467753456317_n

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s